Arroz Doce de Côco com Leite de Soja





Vamos comprar

1 chávena de arroz
(há próprio para arroz doce, mas também aconselho Trinca)
1,6 litros de leite de soja natural
250g de açúcar
1 lata de leite de côco (400ml)
1 pau de canela
canela em pó q.b.
1 folha de hortelã
2 colheres de sopa de farinha maizena
3 gemas de ovo
raspa de limão q.b.


Vamos fazer
Com muita paciência vais ter de mexer mexer e mexer, portanto escolhe uma colher de pau de que realmente gostes porque vais passar pelo menos uma horinha com ela na mão. Começa por cozer o arroz em cerca de meio litro de água com o pau de canela até o arroz ficar bem mole e praticamente empapado. De seguida adiciona o leite de côco previamente aquecido para não cortar a fervura. Quando o arroz tiver absorvido praticamente o leite de côco, adiciona o leite de soja também aquecido e mexe...mexe...mexe. Neste ponto mistura as gemas com um pouco do leite que está ao lume, e só depois misturas na panela. Faz o mesmo com a farinha maizena. Depois é só preciso paciência até à consistência ser a correcta. Se vires que não engrossa de todo adiciona mais farinha maizena, dentro dos limites do bom senso.

Serve em tacinhas pequenas ou numa travessa baixa maior e decora com canela, raspa de limão e/ou folha de hortelã.

Esta receita foi uma sugestão de uma colega blogger. E foi muito bem sugerida. Bom apetite!

NOTA: eu cortei bastante no açúcar, é uma questão de gosto.

Gambinhas al Aglio BoomBoom com Massa Udon




Vamos comprar

1 embalagem de gambas congeladas 60/80
1 embalagem de massa japonesa Udon (encontra-se no Celeiro)
5 dentes de alho
1 colher de sopa de raspa de limão
3 folhas de hortelã fresca
1 colher de chá de piri-piri moído
4 colheres de sopa de azeite
Sal q.b.


Vamos fazer
Dá uma breve cozedura às gambas ainda congeladas. Quando estiverem a mudar de cor, retira-as, reserva e deixa a água ferver novamente e coze a massa (este passo é opcional, mas dá mais gosto a mar à massa). Quando a massa estiver cozida (cerca de 10min.) escorre e reserva. Aquece o azeite numa frigideira género Wok ou num tacho de diâmetro largo e junta o alho. Deixa alourar, e acrescenta as gambas. Adiciona a raspa de limão, o piri-piri e uma pitada de sal. Quando as gambas estiverem bem salteadas, adiciona a massa e revolve bem envolvendo os sabores. Se necessário adiciona um fio de azeite para a massa não secar. Adiciona a hortelã bem picada e envolve novamente.

Serve e come. O Boom do picante com o ácido do limão contrastam com a frescura da hortelã. Bom apetite.

Ricardo.Bebe.Come. Com tecnologia do Blogger.

Surgiu como escape do stress da vida quotidiana.

Cozinhar é uma arte que embora pareça tarefa, dá a satisfação dobrada de se ter criado algo e de se poder desfrutar dessa mesma criação ao mesmo tempo. É um exercício que recomendo a todos!